Sobre Yerba Mate

O que é Mate?

Mate é uma infusão que se faz com erva-mate e é muito popular em países da América do Sul como Argentina, Paraguai, Uruguai, Brasil e agora nos últimos anos muito popular aqui no Chile.

Com o que é feito o mate?

Esta bebida é preparada com erva-mate, que é uma árvore (Ilex Paraguariensis) nativa das selvas ao redor dos rios Paraná, Uruguai e Paraguai. Esta árvore com altura entre 12 e 16 metros é colhida manualmente no período entre os meses de abril e setembro, para a realização da colheita as plantas são podadas até 3 metros de altura. As condições ideais para o cultivo da erva-mate estão apenas nesta região da América do Sul e por isso só é produzida de forma significativa em três países: Argentina (o maior produtor mundial), Brasil e Paraguai.

Como você bebe mate?

Depois de secas e moídas, as folhas da erva-mate estão facilmente disponíveis em qualquer supermercado dos países produtores. Essa erva já moída é colocada em um recipiente que também é chamado de mate (originalmente uma cabaça ou um bambu o mais antigo, mas hoje pode ser de vidro, metal, madeira etc.) e é adicionada água quente, mas sem ferver (Entre 73 ° C e 83 ° C aproximadamente). A infusão é bebida por meio de um tubo fino chamado bombilla, que vem com um acabamento especial para que a erva-mate não vaze até que a água termine, para depois ser reposta. Tem um sabor a base de ervas e ligeiramente amargo, razão pela qual alguns preferem tomá-lo com açúcar, adoçantes ou mel.

Outra forma de beber mate é o cocido mate, popularizado pelos jesuítas no século XVII. Dessa forma, a água é aquecida e a erva é adicionada antes de ferver. Em seguida, é coado e servido em uma xícara.

Mate de acordo com o país

Na Argentina é comum tomar mate com amigos, onde há uma pessoa encarregada de encher o mate com água ou "preparar" o mate (o termo Cebar vem de fazer ou fazer algo com amor) e repassá-lo a cada pessoa do grupo. No Uruguai, por exemplo, muitas pessoas tendem a descer a rua com o companheiro e uma garrafa térmica com água quente nos braços. No Paraguai a erva é mais amarela e é consumida principalmente com água fria e gelo, ou também sucos naturais (tereré). A erva-mate do Brasil é mais fina e verde com um sabor característico deles.

No Chile há vários anos esta tradição está ganhando força, embora já seja habitual há muitos anos, especialmente no sul do país. Nesta época é muito desejada pelos jovens pelo seu sabor e benefícios à saúde e ao esporte, muito utilizada também por estudantes e profissionais para acompanhar seus dias de estudo e trabalho.

Por que você bebe mate?

Mate contém cafeína à semelhança do café ou do chá, por isso também tem um agradável efeito estimulante e energizante. Além disso, graças à grande quantidade de água, tem efeito diurético, purificador e antioxidante. Porém, nos países mencionados, o mate também é tido como uma forma de interação social e o ritual do mate tem uma grande carga cultural e histórica.

Benefícios da erva-mate

Erva-mate é antioxidante
A erva-mate consumida em sua forma tradicional tem maior poder antioxidante do que o chá verde. Isso se reflete em seu alto teor de polifenóis, que melhoram as defesas naturais do corpo e previnem o envelhecimento celular, muitas vezes acelerado pelo estresse do dia a dia.

A erva-mate regula o colesterol e ajuda a melhorar a pressão arterial
Mate melhora a saúde cardiovascular ao reduzir os níveis de colesterol (entre 15% e 18% se consumido diariamente, de acordo com um estudo da Universidade Maza), prevenindo até a arteriosclerose. Ele também tem um ligeiro efeito hipotensor e vasodilatador que pode ser benéfico para pessoas com problemas de hipertensão.

A erva-mate é um energizante natural
Graças ao seu percentual de cafeína (também conhecido como "mateine"), aumenta a estimulação e a concentração como o café; entretanto, embora ambos tenham relativamente a mesma quantidade de cafeína, os efeitos estimulantes são ligeiramente diferentes.

Erva-mate é perfeita para esportes
A mateína presente na erva-mate estimula o sistema nervoso, por isso o consumo do mate é ideal antes de qualquer atividade física ou intelectual. Esta bebida é recomendada para atletas como alternativa a outros energéticos comerciais. Na verdade, há quem diga que o mate é o segredo do sucesso de alguns jogadores de futebol aclamados.

Outra grande vantagem para os atletas: a taxa de recuperação após uma rotina de exercícios aumenta consideravelmente com o consumo da erva-mate, segundo estudo do British Journal of Nutrition.

A erva-mate fornece muito poucas calorias
Mate não contém gordura, também é pobre em calorias e sódio. Pode ser incluído sem problemas em qualquer dieta e na rotina de quem está tentando controlar o peso ou simplesmente prefere uma alimentação saudável. A erva-mate é um ótimo suplemento nutricional

Além dos seus antioxidantes e polifenóis, a erva-mate é rica em aminoácidos e vitaminas essenciais (principalmente o grupo B, onde se encontram 8 das 13 vitaminas de que o corpo necessita) e contém minerais de grande importância como o potássio e o magnésio.

Erva-mate previne doenças
Esta infusão possui compostos bioativos poderosos para a prevenção e controle de certas doenças, como diabetes mellitus tipo 2 (por redução da glicose e lipídios), doenças cardiovasculares e coronárias (por redução dos níveis de colesterol); Alzheimer e Parkinson (evitando o chamado "estresse oxidativo") e osteoporose (por seus vários benefícios para os ossos).

A erva-mate purifica o seu corpo
Mate também tem um efeito diurético e moderadamente laxante, portanto, evita a retenção de líquidos e melhora o desenvolvimento da função renal. Isso ajuda o corpo a eliminar toxinas e a se purificar naturalmente.

Erva-mate é digestiva
Beber mate influencia a saúde estomacal e digestiva, estimulando a produção de bile e ácidos gástricos, enquanto promove os movimentos intestinais. As propriedades da erva-mate a tornam um excelente aliado para o alívio da prisão de ventre, desde que associada ao consumo de 2 litros de líquido por dia.

Erva-mate é antidepressivo
Finalmente, o consumo de erva-mate também tem um efeito positivo na saúde emocional. Por atuar como energizante natural é também um antidepressivo natural, mas, por ser uma bebida compartilhada com amigos e entes queridos, promove momentos de bem-estar e alegria. A erva-mate pode ser consumida quente no inverno ou fria no verão, é um excelente companheiro para as refeições e você ainda pode escolher uma variedade de mate que vai de acordo com a personalidade de cada pessoa.

História da Erva Mate

O consumo do mate remonta ao povo Guarani (índios que estiveram em alguns países da América do Sul), como confirmam as investigações do ensaísta e jornalista Amaro Villanueva. Eles mastigavam diretamente as folhas ou as colocavam em uma cabaça com água e bebericavam. Na verdade, a palavra "mate" vem do Guarani "Caamate" ("Caa" seria uma planta ou erva, e "mate" se refere à cabaça onde a bebem). Outros povos como os Incas, os Charruas e até os Araucanos adotaram o mate graças às trocas com os Guarani. Para os indígenas, a erva-mate era um presente sagrado dos deuses e, na verdade, o mate tinha um significado especial e espiritual para eles, além de seu valor nutritivo.

Durante as longas viagens pela selva, os conquistadores perceberam que os Guarani tinham maior resistência após tomar essa bebida sagrada.

Graças às suas virtudes e benefícios, o mate logo se popularizou entre os espanhóis que vieram colonizar a América do Sul. A erva começou a ser levada de seu local de origem a todo o território que estava sob domínio espanhol, e principalmente os jesuítas foram responsáveis por ampliar amplamente seu uso, incluindo o mate em suas reduções, embora o tenham tomado na forma de mate em saquetas e não com lâmpada. Também descobriram que a planta germinava apenas nesta região do mundo, segredo confirmado meio século depois pelo naturalista francês Aimé Bonpland.

O cultivo do mate hoje

A erva-mate é cultivada na Argentina, Paraguai e sul do Brasil, onde as condições de solo, temperatura e umidade são ideais. O mate faz parte do dia a dia, é consumido igualmente em residências, escritórios, parques, universidades e praças, não só pelas suas propriedades de infusão, mas pelo seu papel de vínculo social.

Agora é possível desfrutar desta infusão natural e benéfica em muitas partes do mundo.